top of page
Search
  • Writer's pictureCooperação e Proje. de Insp. Alternativa

Iniciativa leva implantação de agroflorestas a Duque de Caxias

Comida de verdade, soberania alimentar, agricultura familiar, agroecologia: estes têm sido os motes dos encontros que estão sendo realizados para implantação de agroflorestas em Xerém, Duque de Caxias. Essa atividade faz parte do projeto Economias Populares, realizado pela Capina, em parceria com a Petrobras.

As agroflorestas ou sistemas agroflorestais (SAF) são um conjunto de técnicas que reúne agricultura e preservação ou recuperação da terra. A agrofloresta recupera técnicas ancestrais de povos tradicionais de várias partes do mundo, unindo a elas o conhecimento científico acumulado sobre as espécies vegetais e sua interação com a fauna nativa.

O processo de implantação de SAFs tem sido marcado por longas caminhadas sob o sol que possibilitaram conhecer de perto a realidade e os desafios enfrentados todos os dias por quem cultiva na região. Essas caminhadas também têm desvelado as belezas do território e uma vegetação rica em ervas medicinais e árvores para adubação verde, prática agrícola que consiste no uso de certas plantas que conseguem reciclar os nutrientes presentes em camadas profundas do solo, ou na atmosfera, tornando o solo mais fértil e mais produtivo.

A equipe técnica do projeto tem realizado visitas coletivas para elaboração de croquis e dos materiais a serem adquiridos em cada uma das unidades produtivas a serem implantadas. Além disso, foram oferecidos encontros formativos com trocas e aprendizados sobre espaçamento entre SAFs, estratos e consórcio entre espécies, além da adubação verde. Em cada visita, foi possível destacar as possibilidades da área de implantação e pensar nos cuidados necessários para obter uma agrofloresta sustentável.

O próximo passo, muito aguardado pelas agricultoras e pelos agricultores que estão participando do processo, é a chegada das mudas e sementes fornecidas pelo projeto. Além disso, de novembro a janeiro, serão realizados os mutirões para limpeza, preparo e plantio das áreas escolhidas.

O objetivo do Economias Populares é promover o desenvolvimento econômico, social e ambiental de forma integrada nas áreas de influência da Refinaria de Duque de Caxias (REDUC), fortalecendo empreendimentos econômicos populares (EEPs), conectados por redes democráticas, ecológicas e inovadoras. A atividade de implantação de agroflorestas faz parte desse processo de fortalecimento, ampliando a capacidade de produção e cuidado das agricultoras e dos agricultores da região.

Economias Populares é um projeto realizado pela Capina, em parceria com a Petrobras e com apoio da AS-PTA.

18 views0 comments

Commenti


bottom of page